organique blog

ganache de cacau Saúde Nutrição

Os benefícios da biomassa de banana verde

Juliana Lima 09 / jun / 2015

Muitos já conhecem ou já ouviram falar da famosa biomassa da banana verde e sabem que ela faz bem, mas vocês conhecem todos os benefícios dela? São Muitos!

Amido resistente

Quando cozinhamos a banana verde ela apresenta na polpa da fruta um alto teor de amido resistente, cerca de 20%. Esse amido tem os benefícios bem parecidos da fibra alimentar. Portanto, promove a saciedade, contribuindo para o emagrecimento e, além disso, ajuda no funcionamento do intestino, principalmente de pessoas com constipação e diarreia.
Quando o intestino funciona corretamente, melhora a absorção dos nutrientes e, com isso, contribui com a nutrição dos tecidos (como a pele) e aumenta a capacidade do organismo de eliminar toxinas. Além disso, previne o desenvolvimento de alguns cânceres, tais como no intestino.

Vitaminas e minerais

vitaminas-e-minerais
A biomassa é rica em vitaminas A e do complexo B e minerais como:
potássio, fosforo, cálcio, magnésio, ferro, manganês e zinco. Ela é um antioxidante que tem ação anti-inflamatória e melhora a imunidade. A biomassa ainda ajuda a reduzir a absorção de gorduras, auxiliando na regularização dos níveis de colesterol e dos triglicerídeos, prevenindo doenças cardiovasculares.

Gosto neutro

A biomassa é neutra, não tem gosto nenhum, mesmo sendo feita com a banana não sentimos seu sabor. Portanto, se você não gosta de banana não se preocupe. Ela pode ser usada em sucos, pães, bolos, risotos, feijão, sopas, doces, ou seja, em vários alimentos. A biomassa é um espessante natural, ajuda a engrossar os caldos e dar “liga” nas preparações.

Baixo índice glicêmico

Além isso, ela contém baixo índice glicêmico, ou seja, a velocidade com que o carboidrato digerido é processado é mais lento, evitando picos de glicose no sangue, sendo um aliado na prevenção da diabetes. O ideal é consumir 30g ou 2 colheres de sopa por dia.

Receita da biomassa de banana verde

receita-da-biomassa
Você pode comprar ela pronta, mas cuidado, pois algumas podem conter conservantes, mas você pode fazer em casa, de preferência com banana orgânica, assim não contêm agrotóxicos nem metais pesados. Segue a receita de como fazer essa maravilha.

Utensílios:
Liquidificador, centrífuga (opcional), espátula, peneira e panela de
pressão.

Preparo:

  • Separe com faca ou tesoura as bananas verdes não aclimatizadas do cacho com o cuidado para manter os talinhos na banana; lave-as bem.
  • Coloque água em uma panela de pressão e quando abrir fervura adicione as bananas verdes com casca, feche a panela e deixe adquirir pressão. Após o barulho típico da pressão, abaixe o fogo e deixe por 10 minutos.
  • Desligue o fogo, não abra a panela, deixe perder a pressão naturalmente.
  • Destampe-a e descasque as bananas com o auxílio de um garfo. Em seguida centrifugue ou bata no liquidificador até formar uma pasta quente.

Você pode conservar na geladeira por até 5 dias ou colocar no congelador por até 3 meses, uma dica é colocar em forminhas de gelo. Assim você retira um “cubinho” de gelinho de banana verde sempre que for precisar, retire na noite anterior para o dia seguinte, ela precisa estar amolecida pra evita danos ao seu liquidificador.

A nossa famosa ganache de cacau é feita com a biomassa de banana verde, quem conhece sabe que é muito boa. O que achou da dica? Aguardo seu comentário!

compartilhe

Juliana Lima

é nutricionista há seis anos e trabalha no Le Manjue há quase um ano. Ela é apaixonada pela gastronomia funcional e é uma das colaboradoras dos textos sobre saúde e nutrição no blog.

le manjue no facebook




Quer saber mais sobre como ter uma vida mais saudável?

Cadastre-se para receber nossos artigos sobre o universo da gastronomia orgânica e funcional, com dicas e receitas deliciosas do Le Manjue.



Ebook grátis: Como diminuir os resíduos dos agrotóxicos na alimentação