organique blog

Gastronomia Funcional lifestyle Receitas Saúde Nutrição

Dicas de frutas, folhas e legumes da estação em uma salada

Como usar as frutas folhas e legumes da estação em uma salada
Juliana Lima 07 / jul / 2015

Você é desses que adora preparar uma boa salada, inclusive aquelas que combinam folhas e frutas? Se respondeu “sim”, provavelmente sabe o que é ficar decepcionado após ir ao supermercado, a procura de uma caixa de morangos, por exemplo, e encontrar apenas um punhado de frutas murchas e mirradas, dessas que são incapazes de abrir o apetite ou fazer vista em um grande prato. O morango — assim como diversas outras frutas, folhas e legumes — depende do clima de certas estações do ano para que seu cultivo tenha bons resultados.

Por isso, para preparar excelentes saladas durante o ano todo, saiba mais sobre alimentos de estação.

Quer aprender a preparar deliciosas saladas? Confira a seguir algumas dicas para fazer saladas nutritivas e saborosas, escolhendo os alimentos ideais para cada época do ano.

Manga

MangaQue atire a primeira pedra quem nunca se surpreendeu com o extraordinário sabor da manga, em meio a uma salada verde! Rica e nutritiva — embora um pouco calórica —, essa fruta confere um gostinho especial às refeições, sendo muito utilizada na culinária natural. A manga é fonte certa de vitamina B, ferro, fósforo, cálcio etc. Quer mais? Além de nutritiva, a fruta é facilmente encontrada durante a maior parte do ano. Por ser uma fruta tropical, a manga pode ser facilmente encontrada no Brasil entre fevereiro e setembro. Não tem desculpa para não usar, não é mesmo?

Abacaxi

AbacaxiNo fim do ano — e também entre os meses de março e junho —, uma boa aposta para a saladinha de entrada pode ser o abacaxi. Essa fruta é rica em vitamina C e, também, em fibras, além de ter propriedades que auxiliam na digestão e no combate a inflamações. Nada melhor do que um remédio natural para fortalecer o organismo. Em cubos ou rodelas, natural ou grelhado, esse ingrediente sempre vai bem com batata, cenoura e folhas verdes. Experimente!

Abobrinha

AbobrinhaOs meses de junho e julho são propícios para o cultivo da abobrinha. O legume é riquíssimo em potássio e em fibras, auxiliando o bom funcionamento do sistema digestivo. Versátil como si só, o alimento pode ser incorporado na salada das mais diversas formas. Gostou da ideia? Que tal preparar um Spaghetti Raw de Pupunha Fria? O prato tem em sua composição abobrinha, cenoura, tomate e quinoa germinada. Tudo isso regado a um exótico azeite de capim-limão. Sucesso garantido!

Folhas

FolhasEngana-se quem acredita que toda salada deve, necessariamente, incluir alface. Ao contrário do que se pensa, existem diversas ótimas opções de folhas verdes para compor o prato. Vale lembrar, também, que a escolha ideal varia de acordo com a estação do ano.

Agrião

O agrião, por exemplo, é próprio dos meses de setembro, outubro e novembro. Excelente no combate à anemia, o alimento pode ser mesclado com frutas como a manga, o abacaxi e até mesmo a laranja.

Couve

A couve, por outro lado, é uma folha típica do início do ano, devendo ser consumida, sobretudo, entre os meses de fevereiro e março. Abundante em proteínas, ao ponto de receber a alcunha de bife vegetal, o ingrediente pode ser refogado ou até utilizado em sua forma natural, cru. Nas saladas, a combinação com laranja é uma ótima pedida.

Rúcula

RúculaE que tal dar uma chance à rúcula? Parente da couve, o vegetal é rico em antioxidantes e vitamina A, fortalecendo os olhos, a pele e os dentes. Nas saladas, é sempre uma excelente opção. Afinal, como não apreciar a combinação rúcula e tomate seco? Para quem gosta de inovar, outras receitas podem envolver manga, abacaxi e, acredite, até mesmo a pera.

A rúcula pode ser consumida em todos os meses do ano, preferencialmente entre 30 e 40 dias após o plantio. Ela pode vir, ainda, em forma de azeite, acompanhada por grãos de quinoa e castanha-do-pará — receita da nossa famosa saladinha de quinoa. Para conhecer outras opções, consulte o nosso cardápio.

Gostou de nossas dicas? Deixe suas opiniões, comentários ou dúvidas sobre o assunto! E lembre-se: #Sabor&Saude!

compartilhe

Juliana Lima

é nutricionista há seis anos e trabalha no Le Manjue há quase um ano. Ela é apaixonada pela gastronomia funcional e é uma das colaboradoras dos textos sobre saúde e nutrição no blog.

le manjue no facebook




Quer saber mais sobre como ter uma vida mais saudável?

Cadastre-se para receber nossos artigos sobre o universo da gastronomia orgânica e funcional, com dicas e receitas deliciosas do Le Manjue.



Ebook grátis: Como diminuir os resíduos dos agrotóxicos na alimentação